O Compromisso

20141103

Bom dia!

Em plena energia de Escorpião, é natural que vivamos os processos de forma muito intensa e profunda, pois o Universo está a pedir-nos que olhemos para dentro de nós e revelemos a nossa essência. Por isso mesmo, nos últimos dias surgiu-me um tema muito importante e ao qual dediquei algum tempo de reflexão, o tema do compromisso. Vivemos num mundo de relações e de ligações interpessoais que, por uma evolução social, transformou-se num mundo de interesses e onde deixámos de viver, há largos milénios, uma energia de amor incondicional, de dádiva, para vivermos uma troca interesseira. Por isso, foi importante os grandes líderes da nossa história colocarem sobre as sociedades o conceito de compromisso como sendo algo de um para um quando, na realidade, não tem, nem pode, ser dessa forma.

Mais do que vivermos compromissos para com os outros, os maiores compromissos que necessitamos de ter é connosco mesmos, mas são esses que, infelizmente, deixamos para segundo plano, esquecendo-nos, acima de tudo, que é por nós que temos de tomar decisões e que temos de agir. Quando abraçamos um desafio, pode ser um curso, uma formação, ou até mesmo um casamento ou um emprego, assumimos um compromisso, é verdade. Contudo, o nosso Ego, ávido de colocar as culpas nos outros, transporta esse compromisso para o espelho, para os outros, não assumindo que o maior desafio é o compromisso que temos de assumir em relação às nossas escolhas, aos nossos caminhos. Quando as coisas falham, é fácil dizer que se fez tudo pelo outro, mas não é fácil admitir que nos esquecemos do mais importante, cuidarmos de nós mesmos e avançarmos no nosso caminho.

Quando inicio um curso, tenho sempre a conversa do “compromisso”, lembrando-lhes que o compromisso de estudarem, de se dedicarem e de, como consequência, poderem realmente beber o sumo dessa aprendizagem, crescerem, evoluírem e desenvolverem o seu próprio Eu, não é para comigo, mas sim para com cada um deles próprios. Quando assumimos a responsabilidade de viver o nosso Eu, vivemos o compromisso de libertar a nossa essência a cada momento, ainda que isso por vezes seja difícil, que nos obrigue a sair da nossa zona de conforto e a arriscar sermos, apenas, nós mesmos! No entanto, garanto, vale muito a pena!

Boa semana!

Related Posts

Leave a comment